cancelar
Showing results for 
Search instead for 
Do you mean 

Sobre Riot...

Resolvido

Re: Sobre Riot...

pronto, conseguiram o saquinho de atenção pro Ken Harushame
podem fechar o tópico.
Arauto

Re: Sobre Riot...

A velhos, nem tem jeito não. Eu até ia tentar digitar alguma coisa ou outra pra tentar discutir o tema, mas cheguei na conclusão que talvez seja aquele tipo de pessoa que sempre fala assim: "Cala a boca, eu to certo, você ta errado, você é branco Bro". Eu ia até escrever um texto bonitinho tentando explicar alguns pontos, mas desisti. Por quê? Como eu disse no meu último Post desse tópico, pra vencer qualquer discussão basta dizer "foi racismo". E quando eu ia passando pela segunda vez no útimo vídeo dele, cheguei em uma parte onde ele resumiu praticamente todos os posts que discordam da opinião como se fossem "Ou piada ou racismo velado". Se alguém criasse um Tópico, de sei lá, "Gordofobia", ia ter algum SMURF engraçadalho fazendo piada, mas nem por causa disso deveria ter todo o foco da discussão, mas sim ser desconsiderado.

 

Outro aspecto, é o cara dizer que "Pardo não existe". Bem, "Pardo", assim como "Negro" e "Branco", é um rótulo. A única forma genuina de uma pessoa não ser "parda" no Brasil é vivendo em grupos fechados que se reproduzem entre eles mesmos, ou seja, para a pessoa ser "100% caucasiana" ela não poderia se relacionar com nenhum Brasileiro Nativo nem com nenhum outro grupo, assim como a pessoa ser "100% Afro" ela não poderia se relacionar com nenhum Brasileiro Nativo nem com nenhum outro grupo. Eu por exemplo tenho um casal de vizinhos que o Marido é "Branco" e a esposa é "Negra" e os dois filhos deles nasceram com cor de pele bem clara, mas nem por causa disso são rotulados como "brancos", pois todos sabem que são pardos, assim como se tivesse nascidos com a cor de pele mais escura não seriam considerados "negros". Até onde eu sei, e talvez seja o erro do Ken, é não entender que no Brasil a gente não costuma dizer "pardo", mas sim "um pouco mais moreninho". Chamar a pessoa de "Moreninha" e "parda" é praticamente a mesma coisa.

 

O Problema disso tudo é que "ser Branco ou ser Negro" se tornou uma ideia, uma polarização. Para ser considerado "Branco" no Brasil, você precisa de alguns detalhes, como tipo de cabelo e coloração de Pele específicos, não importando como regra a ascendência (ou seja, o DNA). Se a pessoa tem o cabelo mais crespo ou a cor de pele não for tão clara (perceba que se eu colocasse a frase "cor de pele mais escura", já teria gente chamando isso de racismo), ela já é considerada "Morena". Agora, dependendo da Tonalidade da cor, a pessoa já é logo considerada "Negra" (o mesmo acontece aqui, se eu dissesse "cor de pele Escura", seria considerado racismo, mas falar "cor de pele clara", ninguém liga). Fora do Brasil, não importa se você tem Cor X ou Y, lá você é considerado "Latino".

 

A ideia de "Branco e Negro" gera dois mundos polarizados. De um lado temos a utopia de "um Mundo que todas as portas estão abertas, onde a vida é mais fácil, onde são menos perseguidos pela Lei, possuem uma vida acadêmica maior e blablabla", de outro temos um mundo onde "A criminalidade rol4 solta, as portas sempre estão fechadas, baixa escolaridade, reprodução alta na juventude, mundo do tráfico e blablabla". O que as pessoas não percebem é que através dessas ideias ELAS MESMAS moldam seus futuros e o futuro de seus filhos/amigos/parente. A ideologia de Cor, serve muito mais para rotular ações das pessoas com base em suas características do que propriamente para analisá-las de forma coerente. E como podemos perceber basta "bater o olho" para dizer qual cor a pessoa é, e com isso, baseá-la em uma série de regras de mundos diferentes.

 

Por fim, até porque não estou a fim de comentar o vídeo inteiro dele, vou dar apenas uma análise sobre "mercado de Trabalho": Nós temos 200 jogadores no Challenger, sendo que as equipes querem os Melhores para competirem no E-Sport. Dificilmente você verá uma equipe profissional contratando pratas para competirem contra Challengers. Qual é a porcentagem de Desafiantes em relação ao resto do servidor? Bem, essa porcentagem é a mais cotada para as vagas de emprego. E como o Ken colocou, se temos "maioria Negra no Brasil, seria mais do que normal a mesma porcentagem se apresentar nas estatísticas do Mercado de Trabalho"... bem eu realmente preciso explicar porque esse raciocínio está errado? E depois vai chamar isso de "Racismo Velado" também. Vai entender.


---

Senhoras e Senhores, peguem as pipocas


---

Re: Sobre Riot...

Primeiramente, gostaria de agradecer a, Riot Games, por permitir que assuntos de grande importância - e polêmicos como todos estão cansados de saber - sejam debatidos, abertamente, sem qualquer tipo de censura por parte da empresa. Gostaria também de parabenizar, Rito Games, por dispor de tempo para responder, assim como expor sua opinião e política de empresa, com intuíto de esclarecer as duvidas de seus jogadores/clientes.
Grande parte das pessoas que leram o post/resposta do Rioter, Mundico, se divergiu em dois grupos:
Os que ficaram insatisfeito pelo Rioter, Mundico, não ter apresentado números em relação ao número de afrodescendentes (pardos ou negros, como preferir chamar), trabalhando como Rioters.
E o segundo grupo:
Os que ficaram satisfeitos em perceber que a empresa, Riot Games, se preocupa com assunto e, faz o possível para mudar o cenário da empresa.
Ambos estão certos - embora não adianta afirmar isso pois nossa geração é uma, se não, a mais egoísta e frágil das ultimas décadas (falo por mim que também estou nela), e exige ganhar, ter a razão e ter suas vontades atendidas, e se doe pela palavra mais simplória (se você se ofendeu com isso... Você faz parte desta geração).
Estou decepcionado pelo Rioter, Mundico, não apresentar numeros. Porem estou satisfeito por ele deixar claro que a empresa, Riot Games, está de portas abertas, para todos, independente de raça, cor, gênero ou opção sexual, mas para todos que estiverem capacitados e dispostos a fazer a empresa crescer. É sobre isso que gostaria de falar.
Nossa geração (torno a frisar que faço parte dela) é aquela que espera a iniciativa, mas não a toma. O que quero dizer com isso? Até quando vamos reclamar da Riot Games, ou qualquer outra empresa, de não ter mulheres, negros, LGBT, em cargos de autoridade, e não nos esforçamos para ser os primeiros, os pioneiros, sempre colocando a responsabilidade nossa, na mão dos outros. O Rioter, Mundico, deixou claro alguns dos requisitos para ser um Rioter... Se torna Rioter quem quer, e se esforça para isso, independente de gênero, raça, cor ou opção sexual, assim como qualquer cargo, exemplo (para quem prefere fatos):
Presidente do Supremo Tribunal Federal (STF); Ministra Carmen Lúcia (mulher)
Ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF); Ministro Joaquim Barbosa (Negro)
Embora eu não tenha conhecimento de pessoas LGBT em um auto cargo na sociedade brasileira, não tira a importância que tais pessoas tiveram para história, como exemplo, Leonardo da Vinci, Michelangelo, Margaret Mead, Sara Josephine Baker, entre muitos outros.
Se você tem algum sonho, corra atrás! Não perca tempo se olhando no espelho e se perguntado o que o mundo vai pensar. Vivemos em um mundo onde "reina" a meritocracia, em outras palavras, se você mereceu, lutou por isso, é seu por direito.
Existe sim precoceito, mais do que nossa sociedade, que se afirma evoluída, deveria ter (embora devesse deixar de existir), mas felizmente para isso temos leis, as quais, até a Riot Games deve se submeter.
A Riot Games diz está de portas abertas, até quando tempo você vai esperar para passar por elas?

Aronguejo

Re: Sobre Riot...

Na boa.... alguem resume a resposta anterior a essa e me fala do que se trata???
Tropa

Re: Sobre Riot...

Desculpa senhor se vc ACHA que meu topico foi para ganhar fama ou algo em cima disso....
Mas ate onde eu sei, não coloquei link do meu canal, NAO pedi para ninguem me seguir, NAO pedi para NINGUEM fazer nada que ME BENEFICIE!!!!

 

Parece que sobre SEU comentario, voce esta tirando o meu DIREITO de LIVRE ARBITRIO (ou melhor, liberdade de expressao), se eu acho que tem algo errado é meu DIREITO IR A PUBLICO E PERGUNTAR SOBRE DE UMA FORMA EDUCADA.

 

Eu não fui ignorante em nenhum momento do post, e nem pedi fama, e muito menos vou ficar famoso com isso, entao PARE DE FALAR COISAS SEM SENTIDO, ISSO DESRESPEITA SUA ETICA CIDADÃ.

Re: Sobre Riot...

não só na riot, mas na maioria das empresas, negros são raridades.
Tropa

Re: Sobre Riot...

Essa discussão é uma coisa boa, eu agradeço aos rioters por se envolverem, e agradeço àqueles que a iniciaram, mas admito que, depois de ler essas seis páginas, só consigo ficar triste. Me parece que tem muitas pessoas reclamando que a discussão, de forma educada e coerente, foi iniciada.

É verdade, a riot tem direito de recrutar como bem entender, e é verdade, eles não são obrigados a responder, eles tem o DIREITO de fazê-lo ou não. Igualmente, as outras pessoas tem o DIREITO de perguntar, recebam ou não resposta. Vivemos em um mundo livre, dentro das capacidades de cada um, e falar mal de uma ou outra pessoa é... Bem, é contra-produtivo. Isso atrapalha a discussão e gera vertentes inúteis para oquê realmente deveria ser discutido no tópico.

Se até os rioters se deram ao trabalho de vir aqui e conversar sobre o assunto... Porquê tem tantas pessoas simplesmente concordando que ele deveria ser esquecido e que iniciar ele foi um erro?

Por isso, não deixo aqui minha opnião sobre o assunto, mas sobre a discussão: ler isso tudo me deixa triste, porquê as pessoas não parecem ter maturidade o bastante para falar de algo assim com simples fatos e argumentos, mas tem que colocar suas emoções e até seu próprio ego no meio.

Espero que a discussão continue mesmo depois de se ter uma resposta para as perguntas originais, pois esse é o esquema clássico para se aprender as coisas que não tem respostas fáceis.

Re: Sobre Riot...

Rlx que o LUKASNEGRO representa nós negros no competitivo kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Aronguejo

Re: Sobre Riot...

Negro ou branco, prefiro ver gente qualificada trabalhando na Riot.

Re: Sobre Riot...

realmente acho isso estátistica inflada, pois vi gente falando que era 54%, 7%, 33%. Ou do nada milhões de pessoas nasceram ou isso é inflado de um jeito escroto, que nem as perguntas acima, eu realmente acho que todos vocês deviam se importar mais com como as pessoas são do que rotulalas de a "branco" "negro" "asiático" "LGBT", chega desse idiotismo cultural esquerdalha do jean wyllys
Barão

Re: Sobre Riot...

@I Kissed A Girl. "não só na riot, mas na maioria das empresas, negros são raridades."

Esta é uma afirmação bem tendenciosa.

"Parece que sobre SEU comentario, voce esta tirando o meu DIREITO de LIVRE ARBITRIO (ou melhor, liberdade de expressao), se eu acho que tem algo errado é meu DIREITO IR A PUBLICO E PERGUNTAR SOBRE DE UMA FORMA EDUCADA."

@Vittex Calma, amigo. Entendemos que você só fez uma pergunta, conforme seu "livre arbítrio" e "liberdade de expressão", ninguém aqui está lhe privando de seus direitos. Porém também temos nosso direito de opinar. Qual é o problema?

@Metrux Esta discussão é supérfula. Porém foi até bom tê-la iniciado, para que algumas verdades fossem expostas para algumas pessoas. Assim como o autor do tópico tem o direito de questionar (mesmo que tendenciosamente), também temos o direito de respondê-lo. Afinal, quem fala o que quer escuta o que não se quer.

@corneliustorre "Primeiramente, gostaria de agradecer a, Riot Games, por permitir que assuntos de grande importância"

Este tema não possui relevância alguma, a não ser para os alienados autointitulados "cultos", que sustentam toda a tradição podre intelectual brasileira.

"não ter apresentado números em relação ao número de afrodescendentes (pardos ou negros, como preferir chamar)"

Você está equivocado aqui, amigo. Nem todos os pardos são afrodescendentes.

O resto do seu comentário é dispensável, por se tratar de uma defesa à suas ideologias preferidas, não tratando da real questão sendo discutida aqui.

Só mais uma coisa:

"auto cargo" = veículo de carga
alto cargo = cargo/posição elevado (a)
Tropa

Re: Sobre Riot...

NÃO DA PRA JOGAR MAIS VAI SE **cogumelo do teemo** GAME **cogumelo do teemo** DA **cogumelo do teemo** QUE TODOS OS DIAS VOU JOGAR TEM A MESMA MERDA DE SEMPRE E NUNCA A MUDANÇAS QUANTO A ELES.
OS CARA FAZ O QUE QUER E NÃO ACONTECE NADA PRA MELHORAR OU MUDAR ISSO VAI TOMA NO CU CAIPORA GAME **cogumelo do teemo** AINDA BEM QUE O PESSOAL ESTA TUDO PARANDO DE JOGAR POIS ESSA MERDA NUNCA VAI ESTAR NA ELITE DOS E-SPORT
Tropa

Re: Sobre Riot...

PORCARIA DE GAME
RIOT **cogumelo do teemo** DEMAIS
Tropa

Re: Sobre Riot...

DA PRA JOGAR ASSIM NAO VSF RIOT **cogumelo do teemo** CAIPORA
Tropa

Re: Sobre Riot...

**cogumelo do teemo** DE JOGO VAO JOGAR OUTRA COISA E PARAR COM ESSA MERDA QUE NUNCA CHEGARA EM LUGAR ALGUM
Tropa

Re: Sobre Riot...

PAREM DE JOGAR ESSA MERDA DE GAME **cogumelo do teemo** ESCROTO
QUE SO QUER DINHEIRO E NUNCA ARRUMA NADA DE BOM PRA NINGUEM
Tropa

Re: Sobre Riot...

NUNCA VAI TER E NEM QUE FALEM ALGUMA COISA ELES NUNCA FAZEM NADA DE MELHOR E NEM PARA TENTAR MELHORAR SO TEM INCOMPETENTE TRABALHANDO NESSA MERDA QUE SO QUER DINHEIRO COM SKINS PODRES QUE POR SINAL EH CARO DE PARTIR ESSA RIOT **cogumelo do teemo** TEM QUE FALIR JUNTO COM TODOS QUE TRABALHAM DENTRO DELA

Re: Sobre Riot...

Como o Leandro disse anteriormente, desde o lançamento do LOL no Brasil os números só crescem e são muito positivos. Eu acho que LOL está e ainda estará na elite dos esports por muito tempo Smiley Wink Fico triste com seu desabafo, mas também não acho que é a melhor forma de se expressar para conseguimos entender a sua dor Smiley Sad
Fique bem meu caro consagrado!
Fred "MrMundico" Machado de Campos