cancelar
Showing results for 
Search instead for 
Do you mean 

Dia do Proletariado: Riot Games e Lenin

Arauto

Dia do Proletariado: Riot Games e Lenin

Dia 01/05 é celebrado a aliança entre o passageiro de trem blindado alemão que todos nós conhecemos e a criadora do LoL. A massa operária almeja pelo controle estatal e do povo, mas porque o governo Estado como gestor se uma própria empresa "privada" pode fazer isso?

 

Se alguém quis unir um grande povo, foi a Riot Games. Ela tanto adora sua carteira. Motivo: dinheiro, em teoria, é propriedade privada, mas isso não pode! Alguém tem que confiscar tudo, e controlar toda essa riqueza. Distribuir tudo para todos. Tudo estava planejado a anos.

 

 

E nasceu o Espólio Hextech. Através de políticas massivas de distribuição de renda (skins de campeões, sentinelas, e campeões através de baús e chaves GRATUITOS), os ricos são fortemente explorados e os pobres beneficiados. O comunismo havia chegado de forma definitiva.

 

 

Após anos de implantação do socialismo pela Riot Games, muitos se queixaram: "Estou recebendo 15 baús mas nenhuma chave" ou "Estou recebendo 15 chaves mas nenhum baú". Isso impede o acesso da classe baixa a riqueza do gestor central, e dai vem a pobreza. Para conseguir os itens do jogo, é preciso upar e upar de nível, um trabalho demorado...

 

E quando você menos espera, sua conta é banida e todos os recursos conquistados ficam para a Riot Games. Uma mera semelhança com a União Soviética. O povo continua reclamando anos e após anos... Estaria hoje o comunismo em decadência? 

 

Mas talvez não...

 

 

Dia do trabalhador sempre é dia de renovação! Deviamos então cumprir o nosso dever com Lenin e Marx? Lutar contra a propriedade privada, e distribui-la para todos? Tudo realmente deve pertencer ao povo? A Riot tentará de tudo para manter o Status Quo e não mudar o quadro político atual.

 

Tomem cuidado! Ele está de olho em todos nós, e sua propriedade privada pode estar em perigo!

ValpsBem-vindo ao Palácio de Inverno!