cancelar
Showing results for 
Search instead for 
Do you mean 

uma storinha legal /por soiieu

Tropa

uma storinha legal /por soiieu

bem, eu basicamente to fazendo uma historinha que busca ser o mais veridica possivel sobre a historia le runeterra, bem segue ela.

mandem muitos feed baks

 

esse mapa de conseito apenas é uma base a historia, vou cuidar para não detalhar muitos eventos ou acontecimentos historicos, justamento sabendo que é apenas uma base.

personagem principa-ele é um homem, 18-19 anos, formado com no quartel de treinamentos avançados de noxus, com uma filosofia liberal, igualista e com um particular conhecimento sobre todos os conteudos, e um carisma natural emvolvente.

1- capitulo 1- a guerra de ionia 10-15 eps

ep 1-mares revoltos

nesse episodio o personagem principal vai aver uma introdução geral do personagem e a introdução de seu companheiro, darios, junto a noxus e da cultura base de naxus, com o fim do episodio quando o personagem principal chega nas terras de yonia.

ep 2-taticas militare

no episodio o personagem é interado aos costumes yonianos e como os guerreiros noxianos enteragem com os yonianos 'dominados', (tudo comforme o treinamento dos exercitos entegradores) e as estrategias de combate usadas na ocasião, alem da apresentação dos generais emvolvidos no avanço de yonia.( sion, swane, General Du Couteau e alguns outros nomes que ainda não decidi),

-exercito de entegação-, unidades militares focadas em aprender e estudar a região e a cultura dos nativos, muitas vezes não são soldados em si, mas estutiosos formados para aprender e manipular os abitantes locais com o intuito de facilitar a assimilação.

ep 3-COMBATES!! combates?

a primeira investida noxuana é executada, indo contra todos os protocolos de assimilação, eles avanção brutalmente por diversas vilas, de forma que é se render ou morrer, isso ocorre durante uma semana, ate chegar em uma vila, onde encontra resistencia de monges, nos quais são reprimidos brutalmente e fogem, ao afrontar swame pelas barbarias desnessesarias que fez, apesar que a espanção não causou mortes ate o momento da resistencia. tudo que swame fez foi dizer que ele era o general da armada e espulsar o principal da barraca, obviamente emvolvido da loucura espancionista.

ep 4-ladra de sonhos

durante uma patrulha de rotina um grupo de soldados em reconhecimento se prepara para acampar,
eles começarão a preparar o acampamento, então eles são surpreendidos por uma emboscada de rebeldes
o grupo é composto pelo principal, um caçador da região e 2 soldados, todo o grupa acaba se espalhando e depois todos acabam sendo atingidos por flexas, com o principal fugindo devido a um ser que assusta a resistencia, uma criatura peluda, aparentemente um logo artico,(ahri) que aparentemente suga a alma do caçador atinjido, ao examinar o cadaver, se constata que ele morreu pela flecha, não pelo roubo de sua 'alma',
ao relatar esse acontecimento ao general vigente, ele espalha a informação para todos os pelotões que existe rebeldes escondidos pelas florestas e que a seres 'sugadores de almas' nas florestas tambem em tom sarcastico, de forma a que tudo comspirando para uma comfução de informações.

ep 5-uma verdade dolorosa

o principal começa a notar que o swane esta ficando irresponsavel em sua estrategia, (como se ele estivesse em panico?) ignorando todos os protocolos de combate, ao ser omfrontado, ele diz que esta tudo sobre controle, e mostra o general que vai comandar o principal, sion, o colosso morto vivo, o principal percebe algo muito errado nesse general, por todas as historias das antigas guerras entre demacia e noxus, sion morreu, mas sem antes matar janvam III, mas como ele era um mero arqueiro de reconhecimento, não questionou, pois sabia que 'se ele quisese fazer 'cagada' ele taria la para parar ele, ou não, ele é um colosso que parrece estar morto, oque sera que pode parar essa muralha'. pensa ele.
e apos swane designar um pelotão para sion, avanção para a o norte de ionia.

ep 6-um avanço estilo 'demaciano classico'

sion patece ter um estinto assasino e estremamente vigoroso, ele avança sozinho em diversas vilas e as domina sozinho, com muitas vezes o exercito, por mais que tentasse, não conseguindo o acompanhar, ate o principal ve algo errado nisso, apesar dele apenas ferir as resistencias da vila, ele sabia oq estava fazendo, e quando o principal pergunta , em um pequeno monento para afiar o machado, qual a estrategia de conquista, ele apenas fala, 'estrategia, BÀ, a estrategia é comquistar, então va la e COMQUISTE VERME', com essa fala, o principal define que ele vai ficar observando sion para que ele não cause sua morte e possivelmente, a morte de um batalhão enteiro, por mero capricho. e o principal recebe a informação que todos os aldeões das vilas proxinas ao avanço estrão recuando, so não se sabe para onde, ainda.

ep 7-rebeldeas bem armados

sion entra em uma vila de tamanho maior, em sua tatica consistia em, fazer o maximo de barulho possibel para chamar a atenção e avançar, mas encontra uma resistencia mais formada e mais bem armada, erão vultos encapuzados em todas as partes, em toda a parte, e eles ficam la bor boms segundos, ate sion bravejar 'então vcs são os GRANDES defensores daqui, parece que finalmente irei me DIVERTIR COM SUAS CARCAÇAS', os vultos simplismente ficarão imoveis, com apenas os arqueiros colocando flechas em seus arcos, sion não se abala, e depois de um breve sorrizo, sion se começa a correr em direção dos emcapuzados, eles se preparão para o inpacto, mas tudo que ocorre é uma esploção de corpos, (dai se inicia uma luta) depois de ums 5 minutos e muitas mortes causadas por sion, os encapusados recuam para as montanhas, emquanto sion reinvidica a vila para o inperio de noxus, e se vangloria por boms segundos, o principal observa a cena de forma curioza, ele sabia o poder de sion, mas os encapuzados o chamarão a atenção, ao se aproximar da cena do massacre, ele de depara com uma mulher que se diz mulher de um dos homens mortos, ele pergunta quen são eles e que vai ajudar com os mortos, ela esplica que mais ao sul, perto da região nevada, a um monasterio, onde diversas pessoas treinam a arte do combate, furtividade e magia, e aqueles encapuzados erão os mestres desse local, e eles erão a ultima esperança da parte norte de yonia.
o principal começa a suspeitar dos motivos pelo qual swam estava na região de yonia, por que ele estava indo contra diversos protocolos de combate, e porque (de alguma forma) tirou uma lenda esquecida do mundo dos mortos e colocou sion em um batalhão separado do exercito principal, tudo para dominar um monasterio, com varios lutadores abilidosos, a unica coisa que ele sabia era que avia duas formas de saber o que estava acontecendo, era swane falando, ou indo para o tal monasterio, e swane estava a kilometros de distancia.

ep 8- faisca


em uma patrulha de rotina, o principal se ve imobilizado por um tipo de força desconhecida com apenas uma adaga entre ele e um vulto pequeno.
o vulto pergunta oq ele esta fazendo naquela região, ja que ela era proibida para os 'não ninjas', com um sutaque nunca ouvido pelo proncipal, mas a lingua era clara, ioniano culto.
o principal se esforça para falar, mas é inpedido pela força inobilizadora, o vulto persebe seu esforço e enfraquece o poder, assim o principal se ajuelha e sinalisa para que o inimigo espere por um momento, apos recuperar o fologo, o principal fala,'sou apenas um çacador, ostou atras de um animal que eu vi, meu estoque de carne esta acabando, ate que fui imobilizado por voce, quem diria que eu mataria mostros gigantes mas não consigiria aguentar um choque bem dado'
o vulto avança, bota a adaga no pescoso do principal e fala de forma agressiva, mas desageitada, deixando o sutaque formal
'caçador, animal, falta de carne?, eu nunca o vi por aqui, mas sabe oque eu vi, eu vi voce olhando um brutamontes criando um monte de corpos, e o pior, ajudou as viuvas a enterras os maridos, que tipo de pisicopatia é essa, me de ao menos um motivo a não te degolar agora mesmo'
o principal fala com comvição,'então eu vou ser cincero com voce, ja que voce ja sabe da verdade, eu sou um soldade de noxus que esta buscando um motivo para se livra de meia duzia de trobloditas men que segue para enfrentar o desconhecido, eu sei que aqui tenho mais chances de sobreviver'.
o vulto aperta mais a lamina e fala
'e porque vc ajudou aquelas mulheres a enterras seus maridos, ja que voce faz parte do grande exercito de noxus e foi responsaveu pelas mortes, porque se inportar com uma vila de mulheres desoladas?
o principal fala
'quen disse que eu me inporto, não conhecia menhuma daquelas pessoas, eu so os ajudei porque sou humano, diferente daquela aberação que matou seus companheiros'
o vulto vacila,
'como voce pode afirmar que aqueles guerreiros erão meus companheiros, já que voce é apenas um caçador em busca de um animal para caçar, e caçadores não são la muito espertos, não é verdade?'
o principal fala,
'vamos dizer que eu talves segue mais esperto que os outros caçadores, não é, senha voce ja teria me pegado umas 8 minutos atras, eu vi uma armadilha escondida em ums arbustos, ela era diferente de tudo que ja vi, um frasco de essencia eletrica, realmente esplica muito, ficaria feliz de falar que voce seria um aliado vantajoso, mas voce esta com uma faca em meu pescoço, isso não é muito amistoso.'
o vulto fala
'o que voce quer dizer com isso, espertão?
o principal fala
'quero dizer que temos objetivos em comun, sabe aquele soldado que matou seus companheiros, sou subordinado dele, e ele não me agrada, então se for possivel, eu fazer parte do seu grupo para meutralizar ele, e de quebra eu adquiro umformações que são do meu interrese, que tambem poderão ser iteis a voces'
o vulto fala,
'como poderei comfiar na sua palavra, seu verme noxiano?
o principal começa a falar, mas é interrompido por um barulho logo atraz dele.
soldado 1
'vamos la, temos que achar o caçador logo, ele predissa fornecer a localização do monasterio'.
soldado 2
'ta um saco ficar acampado sem menhuma batalha, o capitão coida de tudo, deixa nada para nos'
soldado 1
'melhor assim, mais viuvas para nos'
ambos
' haaaahaaahaaaahhaa
soldado 1
'vamos to ouvido um barulho logo a frente, deve ser ele'
o principal agarra a mão com a adaga do vulto, o imobiliza e o joga para o chão, logo em seguida poe o pe em cima das douas mão do vulto pequeno.
o vulto começa a se demaber incessantemente, mas o principal faz uma careta para ele e ele para de se movimentar
o principal fala
'voceis vierão para saber onde esta o monasterio, ele esta ali na frente, a uns 23 unidades daqui, mas alguma coisa'
soldado 1
'não, mais nada, alias, voce pressisa de alguma coisa, estou vendo que esta todo sujo, ate parece que foi atacado pelo sugador.
principa
'sugador, oque seria isso, voce pegou minha atenção'
soldado 2
'ele é um demonio que suga as almas de suas vitimas, so deixando o corpo vasio, muito assustador'
soldado 1
'ok, seu assustado, vou levar isso para o capitão, voce pricissa de algo para se manter, agua, comida, armas?
principal
'não, tubo bem, to bem aqui, na verdade estou aqui para observar uma moita, mas parese que o animal que to vemdo se acalmou certo.
ele olha para uma criatura pequena e peluda, ela olha para ele e acena, comfirmando.
então o principal sai da moita e fala.
'so para avisar, existe varias armadilhas espalhadas pela floresta, ums frascos que eu não sei oque fazem, mas parecen ser perigosos.
soldado 2
'voce esta falando de ums frascos com um liquido azul, erão armadilhas, elas tinhão um gosto delicioso.
ambos
'hahhaaaahaahha'
principal acompanha a risada e fala em seguida
'aproveitam tambem para avisar para o capitão que eu irei ficar na região ate ele se aprocimar, então se possivem, peça para ele não mandar mais escoltas para ca, para não mostrar para os inimigos minha posição, se eu tiver uma informção util, eu mesmo levo ate ele'
soldado 1
'tudo bem, então vamos temos um longo caminho'
então os dois soldados avanção por onde vierão, fazendo muito barulho, o principal centa no chão e espara todo o barulho parar, então ele fala
'ja pode sair do arbusto, eles ja sairão'
ser fala
'porque voce não falou para eles que eu estava escondido, voce me donimou com facilidade, poderia ter fassilmente me matado, a questão é, por que não me matou'
principal fala
'não matei porque eu gostaria de te comvenser a me levar para o monasterio como aliado, bem, ja tem minha prova que sou comfiavel'
ser
'mas como eu posso saber que voce não é um espião querendo se infiltrar no monasterio'
principal
'vamos dizer que tenho motivos para isso, e meu nome é caxast, e o seu, caso segue confiavel o suficiente para tal informação'
ser
'meu nome, não tenho um nome, mas pode me chamar de faisca'

ep 9- monasterio 'elaborado'

ao chegar nos portões do castelo, faisca esta com o principal com uma sacola na cabeça.
faisca sinaliza para um guarda no portão, então ele abre o portão

2 RESPOSTAS
Aronguejo

Re: uma storinha legal /por soiieu

Olha, com esses erros de português fica difícil manter a leitura por muito tempo

Procure revisar o texto antes de postar, pode até ser que você tenha criado uma história interessante mas eu não tive coragem de continuar tentando ler depois da segunda linha
Tropa

Re: uma storinha legal /por soiieu

sim eu sei, estou fazendo em um bloco de notas, so para ter um fluxo de ideias, mas sim vou corrigir todos os erros, e possivelmente erei adicionar coisas, tirar coisas, mas tudo que eu quero é dizer que eu estou fazendo uma historia bem legal, e bem, possi dizer que ela ja ta praticamente pronta ate o principal chegar em incantia, o depois dai não tenho certeza.