cancelar
Showing results for 
Search instead for 
Do you mean 

Conto: um dia atípico em howling abyss

Aronguejo

Conto: um dia atípico em howling abyss

Parecia um dia comum em Freljord, a neve habitual da região caia dos céus e somente um ruído baixo do vento podia ser ouvido. Em um lugar mais isolado dessa região havia um ponte, ponte essa que era conhecida por ser o local de intensas batalhas entre grandes campeões, alguns deles corajosos e bondosos, outros traiçoeiros e malignos, ali também era o local de uma família de poros, criaturas pequenas e fofinhas que só queriam brincar na ponte, saltitando de uma lado para outro na espera de uma alma bondosa que as alimente. Elas geralmente não se importavam com as batalhas que aconteciam na ponte, mas esse era um dia atípico, e a batalha que acontecia ali estava tão intensa que despertou o interesse mesmo dessas pequenas criaturas, que pararam com a sua “saltitação” rotineira para assistir ao confronto.

 

De uma lado havia o Veigar, uma mago traiçoeiro e muito poderoso que com suas magias causava a devastação no time adversário e ao mesmo tempo chamava a atenção para si próprio, fazendo com que seus aliados tenham maior segurança em combate, dentre eles um que se destacava era o Jhin, um assassino impiedoso que acreditava que a sua brutalidade era uma arte e levava uma mensagem de terror a todos que por azar entrassem em seu caminho.

 

As coisas não pareciam muito boas para o outro time, as esperanças eram muito pequenas e até mesmo alguns dos poros que estavam assistindo ao confronto perderam o interesse e foram brigar por um biscoito que encontraram perdido em uma moita.

 

Mesmo que seus companheiros não acreditassem na vitória, ali estava o Pantheon, um guerreiro que não é somente conhecido por ter os maiores pés de toda Runeterra, mas também pela sua imensa coragem, ele não parecia abalado pela derrota iminente, pelo contrario, ele procurava por um momento, um descuido de seus oponentes, mesmo que seja por uma fração de segundo, que seus oponentes se distraiam e ele tenha a oportunidade de cravar a lança em seus inimigos, e esse momento de fato surgiu, o mago Veigar errou uma de suas magias e isso deu a chance para o Pantheon saltar até ele e elimina-lo. Mas então ele se viu cercado de inimigos e começou uma fuga em direção a sua torre, ele conseguiu desviar de varias habilidades que o levariam a morte, ele estava fraco, mas estava quase chegando a segurança de sua torre, quando o nefasto Jhin mira nele se preparando para dar o tiro fatal, esse parecia ser o fim da historia de Pantheon o caçador de feras do monte Targon, mas foi então que ele percebeu que ao lado da torre estava sua aliada, Soraka a filha das estrelas, ela estava com seu ultimate pronto e poderia salva-lo, um brilho de esperança percorreu os olhos de pantheon que olhou para sua aliada, mas essa desviou o olhar e sussurrou: Não vale a pena.

 

Soraka acreditava que o seu ultimate poderia salvar vários de seus aliados, e gastar com um único soldado não valeria a pena, se isso era a escolha certa, ela não sabia, mas ela não teve tempo para pensar pois o jhin aproveitou do momento para abrir sua ultimate focando exclusivamente ela que estava distante de seus aliados.

 

Acuada, soraka cantou para as estrelas, para invocar o seu poder divino de ultimate e curar a si própria, porem as estrelas não estavam felizes com a sua atitude, agora como mortal soraka estava apresentando sentimentos humanos, ela havia deixado de salvar um aliado para guardar seus poderes para a sua própria segurança e isso deixou as estrelas muito desapontadas e então elas não concederam a cura necessária, e a soraka não resistiu aos últimos tiros da ultimate do jhin  e caiu ao lado de seu companheiro.

 

E então a derrota que já parecia iminente foi decretada, um triste dia para essa equipe, porém um dia gloriosa para a equipe adversária. Mas nenhum desses resultados é importante, para os pequenos e felizes poros que continuam saltitando alegres pela ponte.

 

 

"Toda boa historia precisa de um polimento, mais isso não a torna menos verdadeira"

-Gandalf

 

 

Essa historia é baseada em uma partida de aram, Jogadores que inspiraram esse conto:

Pantheon: @kongro

Soraka: @Lady Titânia

Kayle (a juiza): @Miu Cielly

3 RESPOSTAS

Re: Conto: um dia atípico em howling abyss

Olha só, não sabia que escrevia historinhas Kongro, ficou muito boa aliás, parabéns.
Me sentindo honrada por ter sido uma das inspirações x).

Re: Conto: um dia atípico em howling abyss

Ainda continuo achando que fiz a melhor escolha como soraka, seu ousado u-u

Sim, esta é 3° e última vez que edito essa resposta kkk Smiley Surprised


assinatura-soraka-forum-lol.gif

Highlighted
Aronguejo

Re: Conto: um dia atípico em howling abyss


@Poetisa da Morte@  escreveu:

Espero que continue escrevendo, mesmo que seja por hobby. Desejo o melhor.


assinatura-soraka-forum-lol.gif


obrigado, não sei pq vc mudou a mensagem, afinal esse conto foi só para puxar a orelha da sua soraka mesmo Smiley Happy

no tempo que eu era um brincalhão atrevido.