cancelar
Showing results for 
Search instead for 
Do you mean 

Liga das Lendas: A dualidade da história dos Campos da Justiça

Liga das Lendas: A dualidade da história dos Campos da Justiça

Olá,

 

Jogo esse jogo desde o início de 2013 de forma bem casual,nunca joguei ranked de forma séria e costumo jogar por algumas semanas,parar por uns 5 ou 6 meses e depois voltar pra ver o que mudou,ou testar um campeão que eu não havia jogado.

 

Se tem uma coisa que me prendia bastante na época de 2013 - 2014 era a história,por mais superficial que fosse em comparação com o que temos hoje(HQs,sites animados com informações sobre cada região,vídeos,elementos in-game etc),era ainda assim bem legal.Quem se lembra dos vídeos do LoLDuBr lendo as histórias dos campeões,uma por uma? Ou quem mesmo passava o tempo entre as partidas lendo as lores dentro do jogo,onde alguns campeões tinham apenas um parágrafo de história e outros tinham várias páginas de desenvolvimento?

 

O contexto geo-político não era tão bem explorado,porém todo aquele papo sobre os 'Campos da Justiça'(Summoners Rift),e a Liga das Lendas sempre me pareceu genuíno e interessante.Porém eu sinceramente sinto falta desses elementos outrora tão fundamentais pra história.De 2015 pra cá,o mundo se expandiu de maneira incrível,com histórias recriadas e recontadas do zero,novas raças e seres celestiais adicionados as nossas coleções.Parece que a Liga das Lendas,o League of Legends,foi apagado da história 'oficial'.

 

Acho que isso foi feito pra ajudar na imersão,pois se pensarmos bem,não haveria nenhuma forma de um deus como Ornn lutar ao lado(ou contra) um Yordle,muito menos morrer para um.Retirar tal elemento trouxe mais liberdade pros contadores de história,ao mesmo tempo que traz mais 'sentido',porém entre aspas,pois sem um background do motivo pelo qual um noxiano lutaria ao lado de um demaciano tudo torna-se apenas um 'universo alternativo'.Vou explicar melhor.

 

A Liga da Justiça misturava vários campeões que formavam times e lutavam em partidas entre si.Era perfeitamente aceitável considerar que Garen lutaria ao lado de Katarina APENAS para aquela partida nos Campos da Justiça,pois haviam conflitos políticos que poderiam ser resolvidos desta forma.

 

Se não existe um grupo de invocadores que invoca campeões das mais variadas origens OU um grupo com o objetivo de batalhar entre si para resolver conflitos entre as nações,então não há sentido algum para o jogo que tanto jogamos.Vamos considerar o seguinte cenário: Não existe Liga da Justiça,e em certa partida Aurelion Sol luta ao lado de Jinx,Hecarim,Maokai e Lissandra(Personagens totalmente diferentes,com arcos diferentes e objetivos diferentes).

 

Por qual motivo eles estão lutando juntos,qual o contexto de existir uma arena com três linhas de frente,várias torres e estruturas,dois monstros do Vazio,seis dragões e uma selva?Não há resposta.

 

Mas o problema é,mesmo se a Liga das Justiça voltasse a ser uma 'instituição' na história,ainda assim não haveria sentido para Aurelion Sol lutar lutar lado de meros mortais.Logo,não há solução.Tudo parece uma mentira,um sonho,algo artificial.Como se fosse uma linha alternativa da 'história principal',onde por algum motivo Yordles lutam com Ionianos.É claro,é uma fantasia,mas não faz sentido nem mesmo dentro do contexto da própria fantasia.Torna-se,então,sem contexto algum.Trocamos o mínimo de contexto para o motivo de estarmos lutando juntos,para termos mais liberdade sobre como criamos e desenvolvemos os próprios personagens.

 

Temos então dois universos: O universo canônico,onde não existe batalhas 5x5 até a morte sem motivo aparente,onde os arcos dos personagens realmente se desenvolvem;E outro,alternativo,que é o que jogamos e participamos todos os dias,onde mais de 140 campeões lutam até a morte(apenas 10 por vez) sem motivo aparente.E em toda partida,esse segundo universo é recriado.Em toda partida,tudo começa de novo,porém com novos personagens,que vão sempre lutar,mas nunca saberão o porque de lutarem.

 

Criei esse post apenas pra dissertar um pouco sobre como era a história,e minha opinião sobre ela.

 

Enfim,até.Deus abençoe.

- Matheus Felipe
2 RESPOSTAS
Dragão

Re: Liga das Lendas: A dualidade da história dos Campos da Justiça

LIGA DA JUSTIÇA???

A única coisa que tu falou nesse post é que o Summoner's Rift que jogamos e a história do LoL são completamente separados.

E bem, acho que todo mundo sabe disso, é meio obvio quando você vê o **bleep**ing Aurelion Sol, que nasceu antes de qualquer outra vida no universo, que criou milhares (se não milhões) de estrelas pelo cosmo, capaz de destruir planetas e sistemas solares inteiros só com um estalar de dedos... morre pra um Master Yi ultado.
Já tomaram café hoje?

Re: Liga das Lendas: A dualidade da história dos Campos da Justiça

@Chokkus
Ainda tenho minhas dúvidas que o Aurelion é mais forte que a Elibê.
Assim, não que o forjador de estrelas do tamanho de uma galáxia seja mais forte que uma mulher que atira marquinha né, nada haver.

"Eu estou em todos os lugares. Eu sou todos. Você só sabe do que precisa saber, e só vê o que eu quero que veja." - A Feiticeira Pálida